Divisão por área ou por time: Qual tipo de limpeza é o melhor?

Divisão por área ou por time: qual o melhor tipo de limpeza?

Divisão por área ou por time: Qual tipo de limpeza é o melhor?

Com as inovações no campo da higienização e desinfecção, surgem dois tipos de limpeza amplamente adotados no cenário profissional: a limpeza por área e a limpeza por time. Ambos desempenham funções cruciais na organização do trabalho e na realização eficaz das tarefas em facilities. Vamos examinar como cada um desses métodos é aplicado e compreender qual pode ser mais apropriado para o seu empreendimento.

Limpeza por Área ou Limpeza por Time: comparações

A gestão da limpeza vai além da mera execução de tarefas, pois se trata de uma abordagem estratégica que utiliza métodos eficazes para alcançar os melhores resultados ao mesmo tempo em que reduz o esforço dos funcionários e otimizando o uso de produtos e materiais de limpeza. As formas mais populares para isso são: a limpeza por equipe e a limpeza por área. A escolha entre elas pode ter um impacto significativo na organização e na higiene do ambiente de trabalho.

Neste artigo iremos explicar ambas, tal como suas vantagens. Além disso, discutiremos a evolução dos produtos de limpeza ao longo do tempo, destacando formas eficazes de promover um ambiente de trabalho seguro, organizado e limpo, para que você possa tomar decisões mais assertivas para sua empresa.

 

Limpeza por Área

A abordagem de limpeza por área distribui as obrigações de higienização e manutenção de um edifício, atribuindo a cada profissional uma área específica para gerenciar. Nesse método, cada responsável pela limpeza assume o encargo de todas as tarefas de higienização em sua zona designada, frequentemente sendo um andar inteiro. Isso implica que o colaborador deve realizar uma variedade de atividades, como aspirar, limpar banheiros, esvaziar lixeiras, remover poeira, etc. 

Porém, especialistas apontam para algumas desvantagens, como:

  • cada responsável pela limpeza tem uma ampla gama de tarefas, isso pode levar a uma execução menos eficaz (como diz o ditado, “não adianta tentar abraçar o mundo com as pernas”);
  • Cada profissional precisa dispor de seu próprio conjunto completo de equipamentos e produtos para realizar a limpeza, acarretando maior gasto em ferramentas como mops, aspiradores de pó, carrinhos de limpeza e afins;
  • A limpeza por área tende a demandar mais tempo, uma vez que os responsáveis trocam de tarefas frequentemente, prolongando o processo e exigindo mais horas de trabalho.

Portanto, para áreas extensas, como edifícios de vários andares, a limpeza por área pode não ser a melhor opção.

 

Limpeza por Time

Em casos como o de edifícios, a abordagem de Limpeza por Time é uma alternativa mais eficiente. Nesse método, os profissionais se especializam em certas tarefas e formam uma equipe ágil e segmentada, executando suas determinadas funções em toda a instalação.

Cada membro da equipe de facilities atua como um especialista em uma área particular e por um conjunto muito específico de tarefas, criando uma dinâmica de equipe no melhor estilo “Operações Especiais”. Normalmente a divisão é:

  • Especialista em serviços públicos: limpeza de áreas do saguão, esfrega pisos duros, limpeza dos vidros, transporta o lixo das áreas de coleta central para as lixeiras.
  • Especialista em banheiros: limpa, higieniza e reabastece os suprimentos nos banheiros.
  • Especialista em aspiração: aspira tapetes e pisos duros.
  • Especialista em serviço leve: tira o pó, esvazia o lixo, limpa o local.

Assim, devido à necessidade reduzida de equipamentos (visto que cada pessoa usa um único equipamento para cada tarefa) e mão de obra, a Limpeza por Time acaba sendo muito mais econômica e eficaz. Sua abordagem mais ágil, sustentável e uniforme também é um fator-chave para o seu sucesso. Além disso, a estrutura flexível da limpeza em equipe possibilita ajustes para satisfazer as demandas específicas de cada instalação, resultando em uma personalização assertiva.

Essa personalização adapta-se às demandas específicas de cada local, podendo incluir o desenvolvimento de treinamentos com recursos e métodos direcionados para resolver questões específicas de segurança sanitária no ambiente em questão, como, por exemplo, limpeza hospitalar.

Como saber o melhor tipo de limpeza?

Ambos tipos de limpeza possuem benefícios, cada um à sua maneira, e a escolha do melhor sistema de limpeza dependerá de vários fatores (como tamanho do local a limpar, número de funcionários, circulação de pessoas, etc).  

Nós da Profline, como parceiros e muito mais que fornecedores de produtos de limpeza, vamos além da comercialização de produtos de higiene. Oferecemos serviços personalizados para outras empresas, como:

  • Treinamentos in loco da equipe de limpeza
  • Controle de estoque e reposição dos produtos
  • Responsabilidade ambiental
  • Auxílio na criação de POP (Procedimento Operacional Padrão)
  • Empréstimo de equipamentos através de parceria de comodato

Se você ainda não sabe a diferença entre fornecedor e parceiro de limpeza, veja nosso artigo aqui!

Para mais informações, estamos sempre disponíveis para atender sua empresa, clique aqui.